LANÇADA VERSÃO ESPANHOLA DO LIVRO “TEORIA DOS DIREITOS CULTURAIS”


O Instituto de Direitos Culturais da Ordem dos Advogados de Bahía Blanca, juntamente com o Grupo de Estudos sobre Direitos Culturais e a Faculdade de Direito da Universidade Salesiana, todos da Argentina, protagonizaram, em 07/12/2022, na modalidade virtual, a apresentação, a partir do mencionado país, do livro “TEORIA DOS DIREITOS CULTURAIS: Fundamentos e Finalidades”, em sua versão em espanhol, de autoria do Professor Humberto Cunha Filho.

O evento, conduzido por MARCELO CEBRIAN, ladeado do Professor MATIAS ITALIANO, contou com o aval de diversas unidades acadêmicas do país platino, bem como entidades do setor. Ademais teve a participação do próprio autor, além de importantes personalidades da área, como ALLAN MAGALHÃES, do Programa de Pós-Graduação em Direito da UNIFOR e do seu Grupo de Estudos e Pesquisas em Direitos Culturais; NORMA LEVRAND, em nome do Grupo de Estudos sobre Direitos Culturais da Argentina, e os igualmente destacados LORETO BRAVO (Chile) e JESUS ​​​​PRIETO DE PEDRO (Espanha), estes dois últimos que prefaciaram a obra.

O lançamento adicionalmente recebeu o apoio institucional das seguintes entidades argentinas: Faculdade de Ciências Económicas e Jurídicas (UNLPam); Instituto de Cooperação Latino-Americana da UNR, membro da CLACSO (ICLA-CLACSO-UNR); Cátedra Livre de Gestão Cultural – Artes UNLP; Ordem dos Advogados de Córdoba; Associação Civil Advogados Culturais; e LUPAT Associação Civil.

Também prestigiaram o lançamento culturalistas de mais alguns países, como Itália, Peru e México, que se manifestaram sobre a obra em suas redes sociais. Nesse sentido, são palavras extraídas do Facebook do jurista peruano Eliseo Talancha Crespo:

Se trata de un valioso aporte jurídico para la construcción y conocimiento teórico de los denominados derechos culturales que forman parte de una nueva categoría de derechos humanos cuyo ejercicio y disfrute resulta fundamental para el bienestar y desarrollo sostenible del hombre. A la luz de la legislación brasileña y comparada se aborda la configuración, el contenido, la titularidad y otros aspectos importantes de los derechos culturales que lamentablemente son poco abordados y parecieran inexistentes sin tenerse en cuenta que guardan estrecha vinculación con los otros derechos económicos , ambientales y sociales.

Por seu turno, o jurista mexicano Carlos Lara, também em seu Facebook, deu detalhes sobre os apresentadores e apoiadores da obra:

En la presentación del libro del maestro Humberto Cunha, Teoría de los Derechos Culturales, fundamentos y finalidades. Prologado y presentado por Jesús Prieto de Pedro, y Loreto Bravo Fernández. En compañía de los colegas del Instituto de Derechos Culturales del Colegio de Abogados de Bahía Blanca, del Grupo de Estudios sobre Derechos Culturales de Argentina y la Facultad de Derecho de la Universidad Salesiana.

A obra está disponível no formato e-book em todas as plataformas de vendas de livros, a exemplo da Amazon.